Flex para Linux/ Labs/ Notícias

Flex Builder Alpha 5 com mais 465 dias para você usar no Linux

Recentemente quem acompanha as notícias via feed, percebeu que a Adobe deu um passo mais novo porém sem muitas forças em direção ao suporte do Flex Builder para o Linux.
De fato é que ela definitivamente ela deixou de dar suporte para plataforma do penguim. Problema relatado por ela é que não há número de usuários suficientes para usar.
Embora eu discorde deste assunto mesmo não sendo um usuário assíduo do linux. Isso vem a calhar pelo fato de que em seus Survey(pesquisa) de mercado ela não coloca geralmente o Linux como plataforma, nem tampouco outro. Em fim, já era.
Contudo, ela recentemente atualizou uma versão mais promissora do Flex Builder 3.0.2 para alguns fixes na plataforma Linux, e o chamou-o de Alpha 5. Aumenta um pouco a espectativa de quem usa o Linux diariamente.

Se você usa Linux e estava usando um emulador de máquina virtual para trabalhar com o Flex Builder no Linux, por que a licença expirou. Seus problemas acabaram pelo menos por 465 dias, é o que promete a Adobe.

Ah! E nem se empolge tanto, o modo design ainda não foi portado. Contimuamos apenas o modo code.(Afinal quem precisa do design?).

Baixem o novo Alpha 5 neste link direto para o Labs da Adobe. No link você encontra novas informações de compatibilidade e como desinstalar o anterior e colocar o novo.

Flex 3/ Flex 3 Open-Source/ Flex 3 SDK/ Flex para Linux

Flex Builder 3 agora também no Linux

Notícia quentíssima, a nova geração da ferramenta Flex Builder 3 codename “moxie” está sendo portada para o Linux, distribuída como versão plug-in ela já vem com inúmeros recursos agregados a ferramenta. Estando em alpha no Labs, essa versão trás vários wizards e parte de todo intelicense (out generete) de código que no Windows é suportado, porém existe uma lista de itens que ainda não é suportado nessa versão. Como por exemplo:

* Design view
* States view
* Refactoring
* AIR support
* Automated testing
* Data Wizards
* ColdFusion Extensions to Flex Builder
* Web Services introspection
* Profiler
* Data Visualization components

Entretanto nada está perdido por que por exemplo o suporte a debug já está habilitado.

O mais importante é que a Adobe ouviu os pedidos tanto aqui no Brasil quanto do resto do mundo para suporta uma versão sem emuladores, sem wine, sem adl sem nada.

Se eu fosse você começava a baixar e testar, eu acabei de baixar a minha versão e irei usar com meu Ubuntu, James Ward também me alertou e em seu blog que o suporte à aplicações AIR podem ser portadas usando e emuladas pelo Wine.(Ótimo não?).

Clique aqui e saiba mais,ou melhor baixe logo e ajude a Adobe criar uma versão redonda para o Linux.

Flex/ Flex para Linux/ Notícias

Flex Builder 2.0.1 para Linux

Justamente o post não está errado.

Um hacker Chinês consegiu e disponibilizou uma versão do Flex Builder 2.0.1 para o Linux.

Como ele consegiu?

Simplesmente como vocês sabem o Flex Builder 2.0.1 nada mais é que um plug-in bem elaborado para a plataforma Eclipse, visto isso ele viu que boa parte dos pre-requesitos feitos no Flex Builder 2.0.1 tinham bibliotecas alternativas para isso funcionar. Então ele substituiu e consegiu fazer uma versão ainda paga para o Flex Builder 2.0.1

Algum tempo atrás eu e o Lucas Ferreira, escrevemos uma série de 2 tutoriais de como usar o Flex 2 SDK via Windows e Linux, até recebi um e-mail de uma sugestão para explicar como usar o Flex 2 SDK no Eclipse direto escrevendo via ANT, mas o tempo é um mal de dois gumes.

Ok, isso não é mais preciso ao meu ponto de vista. Pois acredito que muita gente da comunidade que usa o Linux vai passar a usar esse post como referência ao uso e vai conseguir fazer sua base de tarefas usando o Flex Builder por geral diretamente no Linux sem usar emuladores como o VMWare como alguns usavam.

Então Caso você queira testar o Flex Builder 2.0.1 direto no Linux sem Emular siga os seguintes passos abaixo.

1. Baixe o Eclipse 3.x para Linux

2.Baixe aqui o Flex Builder 2.0.1 ( Trial ainda)

3. Baixe o Flex 2.0.1 SDK direto no site da Adobe

4. Baixe o Flash Player 9 para Linux baseados no Kernel 2.5.6+

5.Depois de baixar o SDK aponte para o diretório correto eclipse/configuration/com.adobe.flexbuilder para onde você copiou o arquevo final do Flex Builder.

Feito isso só testar.

O detalhe é que eu baixei e testei aqui na minha máquena local usando o Ubuntu 6.0 e Funcionou quase que perfeito. A única coisa que não funcionou é o Design View que ainda não tem biblioteca do Eclipse para funcionar no Linux. Mas só pelo fato dele já ter conseguido fazer funcionar. Acredito certamente que logo aparecerá uma biblioteca para isso.

Enjoy Tux

Até que fim né Lucas?