Dicas/ Flex 3/ Flex Builder 3

Crônicas parte 9: Flex Builder 3 – Export Release

O Novo Flex Builder 3, tem várias atalhos que foram implementados e estavam precisando aparecer, e uma dessas novidades é o Export Release, anteriormente na versão 2.0 você tinha apenas uma pasta BIN como é comum no Visual Studio, onde você tinha 2 versões do .swf uma com a versão final do aplicativo e a outra com uma versão para -debug.swf.

Atualmente no Flex Builder 3, você agora vai ter apenas uma pasta, chamada bin-debug, onde nesta pasta você terá um .swf mais gordo, pesado contendo todas as diretivas de suporte para debugar a aplicação, no qual a versão do debugger do Flex surgiu novíssimas e ótimas implementações.

Então pergunta-se, como funciona este tal de export release?

Fácil, o Flex Builder 3, tem um atalho no menu principal, veja figura abaixo:

Toda vez que você altera no Flex Builder qualquer arquevo, por padrão ele já vem com um Local History, tipo um mini SVN onde você vai poder controlar versões daquile arquevo. Aproveitando-se disso, cada vez que você exportar uma versão do .swf (aplicativo), você vai gerar vários releases como é mostrado na imagem abaixo:

Então da próxima vez que for fazer o upload de sua aplicação para a internet, não esqueça de colocar a versão release, que é mais leve.

2 thoughts on “Crônicas parte 9: Flex Builder 3 – Export Release

  1. Mas Igor, isso não vai deixar a compilação mais demorada?
    Hoje no flex 2 posso escolher se quero a versão release ou a versão debug. Não era melhor deixar em arquivos separados como estão hoje?

    Afinal, se compila muitas vezes por dia, e releases são feitos numa quantidade bem menor de vezes.

    Falowzzzzz

Comments are closed.